Bizarro: cientistas descobrem água-viva que consegue esconder o ânus quando não esta usando

águas-vivas-de-penteAo contrário das medusas, as águas-vivas-de-pente, ou Ctenophoras, não possuem bocas que servem tanto como ânus quanto boca. Em vez disso, empurra seu lixo para fora através de sua epiderme quando necessário, criando um ânus temporário.

Ao contrário das medusas, as águas-vivas-de-pente, ou Ctenophoras, não possuem bocas que servem tanto como ânus quanto boca. Em vez disso, empurra seu lixo para fora através de sua epiderme quando necessário, criando um ânus temporário.

Aguas-vivas-de-pente estão entre as formas mais primitivas de vida no planeta hoje. Embora sejam tão elegantes e translúcidas como outras águas-vivas, as águas-vivas-de-pente são na verdade animais completamente diferentes.

A criatura gelatinosa pertence a um grupo de animais chamados ctenóforos e é conhecida até por atacar a água-viva. Mais estranho ainda, águas-vivas-de-pente têm um ânus que vai e vem quando necessário.

PUBLICIDADE

De fato, a águas-vivas-de-pente verruguenta, ou Mnemiopsis leidyi, só tem um ânus quando precisa defecar e em todas as outras situações, seu ânus simplesmente não existe.

O fenômeno é conhecido como ânus “transitório” por sua impermanência. Mais estranho ainda: às vezes águas-vivas-de-pente tem mais de um ânus.

Muitos animais, como mamíferos e milhares de outros, têm o que é conhecido como um “orifício intestinal”, um orifício no início e no final do trato digestivo da criatura; ou da boca até o ânus.

PUBLICIDADE

Escrito por Carla Juliana

Redatora no site noticiaviva.com. Apaixonada por gatos. Uma pessoa simples e muito bem humorada. Contato: [email protected]