Câmera de militar desaparecido é encontrada no fundo do mar em Arraial do Cabo

André Filipe Victor Figueiredo está desaparecido desde o dia 11 de agosto

Foram descobertas recentemente imagens feitas por uma câmera que estava com o cabo da Marinha desaparecido no último domingo (11) em Arraial do Cabo, cidade situada na Região dos Lagos do Rio de Janeiro. As imagens em questão mostram o momento em que uma onda atinge o cabo.

A câmera em questão foi descoberta somente na última terça-feira (13), nas proximidades do Lago do Amor. O conteúdo das filmagens, por sua vez, mostram que após a câmera ser atingida pela água, o vídeo escurece por alguns segundos e, posteriormente, volta a clarear, possibilitando que o fundo do mar seja visto nas imagens.

O militar desaparecido se chama André Filipe Victor Figueiredo. Ele é natural de Fortaleza (CE), mas vivia atualmente na cidade de São Pedro da Aldeia. Nesse local, o oficial de 28 anos servia ao Esquadrão VF-1, em uma unidade voltada para aviões de caça.

PUBLICIDADE

Embora a câmera tenha sido encontrada, as buscas por André ainda persistiam até quinta-feira (15), ocasião em que a Marinha, através de uma nota, afirmou que a equipe de Busca e Salvamento (SAR) responsável  por procurar o oficial, atualmente, está apurando uma denúncia referente a alguns vestígios da presença de André nos entornos do  Saco do Cherne, localizado em Arraial do Cabo.

Os bombeiros foram contactados no domingo, após uma pessoa ver um homem pedindo socorro no local supracitado. A respeito da operação, a Marinha destacou que um helicóptero, algumas embarcações e também algumas viaturas da DelCFrio estão envolvidas na busca pelo militar.

Além da câmera mencionada, também foram encontrados pelas equipes de Busca e Salvamento um tênis e um mochila, ambos pertencentes ao militar.

PUBLICIDADE

Os desaparecimentos na Região dos  Lagos, atualmente, têm acontecido com alguma frequência, especialmente no que se refere ao mar. No dia 21 de julho desse ano, na cidade de Saquarema, uma criança de apenas 5 anos de idade foi arrastada pela água do mar.

Na ocasião, a criança em questão estava acompanhada por seu pai  em uma padra na Prainha. As autoridades realizaram buscas pelo menino chamado Pietro durante um período de 7 dias até que o seu corpo fosse localizado, já sem vida, pelos bombeiros.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.