Filho filma o momento em que o pai espanca sua mãe de 27 anos grávida covardemente, ela e o bebê não resistiram

Quando o socorro chegou Pâmela já estava morta.

Um caso revoltante aconteceu na madrugada dessa última terça-feira (8) no Poço de José Moro no sertão da Paraíba, Pâmela Bessa de 27 anos foi agredida pelo esposo, a mulher estava grávida foi brutalmente agredida e veio a óbito no local.

O filho da vítima fez as imagens do momento em que o homem enfurecido estava espancando Pâmela, os vizinhos ouviram os gritos de pedido de socorro de Pâmela e ligaram para a polícia.

Os policiais rapidamente chegaram até o local, o agressor o esposo de Pâmela foi preso e levado para a delegacia onde prestou depoimento e logo após foi solto, segundo a polícia o delegado ainda está analisando se pedirá a prisão preventiva do agressor.

PUBLICIDADE

O serviço de atendimento móvel de urgência foi até o local, mas quando chegaram Pâmela já estava sem vida, apenas constataram que ela estava morta, o filho de Pâmela que estava na barriga não resistiu.

A violência contra as mulheres na sociedade brasileira se trata do reflexo de uma política pouco eficaz, são contra essas violências que os governos tanto federais estaduais e municipais tem falhado.

Pois o essencial é a qualidade de vida principalmente das mulheres, os direitos básicos não são atendidos, no Brasil muitas mulheres são agredidas e violentadas, os homens praticam crimes contra as mulheres e muitas vezes não são penalizados por isso.

PUBLICIDADE

A maior parte das violências contra as mulheres acontece dentro do ambiente doméstico, a culpa não é das mulheres, mas da sociedade machista, patriarcal que coloca culpa nas mulheres e fecha os olhos diante das violências que elas sofrem.

 


Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.