Homem trans que engravidou para realizar o sonho tem nome feminino na certidão da criança, mas diz: ” eu sou o pai”

Para realizar o sonho do casal de ter filhos ele decidiu engravidar.

Frank Teixeira é um homem trans que engravidou para realizar o sonho do casal de ter filhos. A criança se chama Antonella e chegará ao mundo no mês de setembro, no entanto a criança vai ter o nome de duas mulheres na certidão de nascimento.

Frank, porém diz que não são duas mães, mas na certidão estará duas mulheres até ele mudar os seus documentos, mas ele afirma veementemente que é o pai.

Frank é auxiliar de produção e tem 27 anos e mora em Itapira São Paulo. Ele contou que ainda não conseguiu trocar de nome nos seus documentos e para registrar a filha precisa usar o nome social.

Ele conseguiu tirar a licença-maternidade porque ainda tinha o nome feminino em seus documentos caso contrário ele não teria direito à licença-maternidade, mas como ainda tem o nome feminino pode usufruir normalmente do direito.

Frank está há quatro anos passando pelo processo de transição de gênero, mas seis meses antes de engravidar havia parado de tomar os hormônios masculinos por causa do preço do tratamento que fica muito caro, mas a vontade que sua companheira tinha de ter um filho o levou a pensar em realizar o sonho.

Escrito por Cláudia Lm

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.