O desespero de quem perdeu o emprego em tempo de pandemia, mãe pede ajuda em semáforo:”Faço faxina.Tenho boas referências. Sou uma mãe desesperada”

A pobreza em tempos de crise.

Infelizmente, nesta fase de pandemia, muita gente acabou por perder o emprego, mães com filhos, pessoas que trabalham como diarista e tantos outros relatos de pessoas que não conseguem sobreviver.

Ana Lúcia Ribeiro, é mãe de três filhos e avó de dois netos, ela perdeu o seu emprego. Para tentar sobreviver em tempo de crise, ela mobilizou uma rede solidária, depois de se fazer acompanhar com um cartaz em Criciúma, no Sul catarinense, pedindo trabalho.

Um gesto, que comoveu muitas pessoas, depois de a mulher se fazer apresentar com o cartaz procurando trabalho, vários moradores não ficaram indiferentes, e ajudaram com cestas básicas e ofertas de trabalho.

No mesmo cartaz que Ana Lúcia segurava estava lá a seguinte mensagem “Faço faxina.Tenho boas referências. Sou uma mãe desesperada”, uma mensagem de apelo que sensibilizou os moradores. Além de ser um pedido de ajuda, era mais destinado a um pedido de socorro devido ao desespero da mulher.

Escrito por Carla Sofia

Sou especialista em Receitas, dicas e saúde! Gosto sempre de estar atualizada de novas receitas e formas medicinais!