Obstetra é ameaçada e agredida pelo marido de uma paciente que estava em trabalho de parto e pede justiça.” Voei 1m e fiquei inconsciente, estou em choque”

Médica estava a tratar de uma mulher em trabalho de parto, quando foi surpreendida e agredida pelo marido da mesma.

Nesta última sexta-feira, uma médica na qualidade de obstetra, estava a realizar um parto, quando foi vítima de ameaças e agressão por parte do marido da sua paciente. Scilla Lazzarotto, é médica obstetra de 46 anos, ela conta que estava realizando o tratamento da paciente quando, de repente foi surpreendida com violência.

Após esse ocorrido, a médica fez um B.O. As autoridades informaram que a investigação, vai dar continuidade, na Delegacia da Mulher, com a titular Márcia Chiviacowsky, uma vez que o principal autor está em fuga.

“Estou em estado de choque. Essa profissão é a que mais amo” diz Scilla. “Apenas isso que quero, quero que a justiça seja feita, e ter segurança para continuar a trabalhar.”

A médica, atua na área de obstetra e ginecologia, e conta que a paciente foi internada durante a madrugada, entre as 2h30 e 3h, e o esperado, seria fazer parto normal. Mas quando ela e a colega que estava de plantão regressaram, por cerca das 7h, ainda tinha uma cesária e mais outros três partos normais, programados.

Escrito por Carla Sofia

Sou especialista em Receitas, dicas e saúde! Gosto sempre de estar atualizada de novas receitas e formas medicinais!